Aranha VasoOs aracnídeo (quatro pares de pernas em um corpo dividido em duas partes) são animais que se alojam em ambientes domiciliares ou nas proximidades. Os ferrões estão presentes nas quelíceras (apêndices articulados que servem para apanhar a presa), localizadas em seu corpo. Alimentam-se principalmente de insetos, como grilos e baratas.

Existem alguns gêneros que merecem atenção. São eles:

Aranha armadeira, da banana ou macaca

Encontram-se exemplares, principalmente, na região sudeste do Brasil. São reconhecidas por sua cor cinza ou castanho escuro, patas e corpo com pelos curtos e vermelhos. Chegam a atingir 17 cm de comprimento quando adultas, incluindo as patas. Quando ameaçadas, assumem uma postura de ataque, apoiando-se nas patas traseiras e mantendo as duas dianteiras elevadas, prontas para o bote; e a isso se deve o nome armadeira. De hábitos vespertinos e noturnos, geralmente são encontradas em locais escuros, cachos de bananas, sapatos e folhagens. Não faz teia.

Aranha marrom

Presente na região sul do Brasil. De cor amarelada, essa aranha atinge cerca de 3 a 4 cm. De hábitos noturnos, vive em pilhas de tijolos, telhas, beiras de barrancos e também no interior de residências. Sua teia assemelha-se a flocos de algodão.

Aranha de grama

De cor cinza ou marrom, a aranha de grama possui pelos vermelhos perto dos ferrões, com uma mancha escura em forma de flecha sobre o corpo. É encontrada em residências e gramados.

Aranha caranguejeira

Encontradas na região norte e região sul do Brasil. Atingem grandes dimensões, podendo chegar a 9 cm só de corpo. Seu pelo em contato com a pele humana produz irritação. Seus ferrões são grandes, e a ferroada bastante dolorosa. Seu veneno não oferece risco de morte ao homem, sendo dispensável a aplicação de soro.

Aranha viúva-negra

Viúva NegraMuito encontradas em litorais, são de cor preta e possuem manchas ou uma forma de ampulheta de coloração vermelha na região do abdômen. O nome viúva-negra dá-se devido ao fato das fêmeas comerem os machos após a cópula. As fêmeas da viúva negra chegam a ter apenas de 2,5 a 3 cm e os machos podem ser de 3 a 4 vezes menores que esse tamanho. Vivem em teias nas vegetações rasteiras, arbustos, barrancos e jardins. Muitos acreditam que a viúva-negra é a aranha mais peçonhenta do mundo, mas apesar de sua forte peçonha, no Brasil existem dois gêneros mais perigosos, que são a aranha marrom e a armadeira, sendo esta última a mais venenosa. Geralmente não possuem comportamento agressivo, mas picam quando são atacadas ou se sentem ameaçadas.

Go to top